REENCONTRO Se hoje eu quisesse escrever tudo que realmente sinto, não saberia como fazer. Se eu pudesse falar todas as palavras de amor, não saberia o que dizer. Pois, não há espelho que reflita a imagem da alma. Não há perfume que exale o aroma de sua essência. Tudo soaria vago, inexpressivo, incoerente.... porque o amor não se traduz, nem se revela. Ele apenas acalma.

2 comentários:

Eduardo Inácio disse...

Olá Lúcia!

Obrigado por passar no blog. Valeu também por me passar o site com os templates e claro, por passar o endereço do seu novo blog.

Abraços!

Flávio disse...

Oi, Olhos doces! :) Acho muito bonito o texto, e o design (ou template?) do novo blog tb ficou muito legal. Mas o melhor mesmo é vc ter voltado! ;) Bjs