Minha doce saudade

Tenho lembrado de você,

sempre e ao mesmo tempo,

tentado esquecer...

Dúbio, controverso? Sim!

Porque continuo aquela boba,

que passou a se esconder,

com vergonha de lhe ver.

Porque fiquei,

boa parte da minha vida,

tentando juntar meus pedacinhos

e descobri; ainda que juntos,

não mais terei o que perdi,

nada será como antes

e tenho medo de sofrer.

Porque me dói muito saber,

que alguns amigos se foram,

outros que já não mais vejo

e eles continuam tão presentes:

na minha saudade,

no meu coração

e na minha emoção...

porque ainda trago doces e lindas,

lembranças da minha infância,

que o tempo,

por mais que passe,

não apaga e sem pedir licença,

sem perguntar se podia,

fez morada em meu coração!

Simplesmente, quero dizer:

você fez parte do tempo

mais bonito da minha vida!

Que trago imagens inapagáveis

em minha mente...

E por mais que os anos passem,

elas serão sempre constantes.

Não esqueça de mim!

Sou alguém que não fala pela boca,

mas pela alma...

alguém capaz de chorar

a lágrima do outro, sorrir suas alegrias...

mas receber um carinho seu...

deixa os meus olhos brilhantes!

Aos meus amigos de ontem,

aqueles que já não sei;

eterno carinho e doces beijinhos...

Aos que já nos deixaram,

aos novos que agora encontrei.

Que Deus ilumine seus caminhos!

Nenhum comentário: