No mundo dos bons blogs (edição renovada)

Em passeio pela blogosfera descobri que aqui é

realmente, um Lugar gostoso, onde podemos fazer

boas amizades, participar das Conversas da xaxa,

apreciar as belezas fotográficas do Neves e conhecer

os poemusicas do Naeno.

Por aqui também tive a oportunidade de conhecer os

livros de Vieira Calado, a diversidade do mundo de

Suruka. A Suka deixou nosso espaço e com ela, as

quentes histórias de seus amores. Muita coisa boa.

No grito do poeta, descobri nobres sentimentos. E

nas doces palavras da Bia, percebi o maravilhoso

canto do Collibry. Foi aí que decidi, atender aos

apelos do meu ego, que me

impulsionava a dar muito_mais_de_mim, nesses

momentos, em que aqui me encontro. No limiar da minha

loucura senti a nobreza da Poesia portuguesa, assim

como Palavras ao vento, trazendo-me um Silêncio

sentido, em cada palavra da Bel.

O Barão, elegantemente visualizado, em Branco e

Preto, traz o estilo clássico das Cameratas.

Nas Vivências da Fátima e nos poemas de autores

famosos, tão bem relembrados pelo Fernando,

percebo as Almas Poéticas que Há flor da pele

irradiam.

Diante do Castelo do Beja recordei as Cartas sem

valor, as quais me transportaram aos Contos e Crônicas.

O diário da Adriana é um livro aberto à rotina de uma

mulher que vai a luta. O Drewss deixa que

seus pensamentos se transformem em um Mar de

sonhos.

Enquanto o carinho da Ana Luar mostra o lado

poético da vida, os meninos do Manual do suicídio

revelam a realidade nua e crua dela. Em contra

partida, e graças a Deus, existem os Ditos e contos

que amenizam as tensões do dia a dia.

Nas Margens douradas retratadas pela Menina do Rio

encontrei alguns contos, bem descritos pelo Gui.

Mas as palavras filosóficas do Hassan, me deixaram a

certeza, que o mundo precisaria conhecê-las.

Principalmente eu, que de vez em quando, percebo as

Sombras de mim, que tanto me inquietam a alma.

Luz de Luma; uma filosofia, um grito de protesto, ou

uma boa história? Pouco importa! Coisas boas, também

como do Alentejo e todos que aqui descrevo, bem vindas serão.

De-propósito no meu Silêncio culpado, diante da

violência do mundo, pedi perdão a Deus pela

humanidade. Pedi ao Mitro que voltasse, pelo tempo

que se afastou. Pois muitos como Maria, a blogosfera

deixou.

João Felipe e J. Guerra, apresentam, cada um, seu

modo de ver e sentir, as alternativas de vida. Já a Karol,

fala sobre os aspectos da sua. Mas todos, em

bom tom, em bom gosto!

Ah! A Praia do destino... quantas poesiasmgd,

quanto amor na Pureza das palavras do Tozé.

Enquanto a Janaína, conta as duras verdades do

nosso país de uma forma jocosa, engraçada...

No Thornlessrose percebi quantos amigos passaram;

Lino, Agrestino, Abre parênteses, Defensor, Maria

Ventania, Netmito, Que momento, Red Angel, O

montado altaneiro e Serbão. Esse, que hoje, nem mais

o link eu tenho. Porém, jamais os esqueço.

No Infinito pessoal tenho a oportunidade de conhecer

um pouco mais sobre a cultura portuguesa. Vi que a

Yvonne, em um de seus belos posts, comentou a sua ida ao Rio de

Janeiro. E consigo viajar pelas belas imagens

do partículas do tempo.

Como todo Sonhador, vejo desejo no conterrâneo, O

sibarita e Luz de Lua em meus Momentos de vida.

No blog_da_Magui, escuto canções, que trazem a

imagem do meu amado e viajei no Luar,

ofuscada pelo brilho intenso da lua prateada .

Pra falar a verdade, adoro todos que por aqui passam.

Talvez, por ter os Olhos de Mel tenha Opiniaum

diferente, controversa desse mundo cruel, que assusta.

Tenho aprendido muitas lições de vida com o Árabe:

1º Sou verdadeira;

2º Falo o que penso;

3ºsinto a dor pelo outro;

4º gosto de dizer: Te amo! Toda hora ao meu

amado;

5º Adoro escrever textos que falem dos meus queridos

amigos, ou com títulos de musicas que gosto.

Contei minha Vida através de minha alma poética. E

assim, relatei algumas das minhas manias. Missão que

recebi da sonhadora Wispers. A qual agradeço imensamente o

carinho.

Deixo essa missão a todos os meus amigos, que enriquecem o meu

cantinho. Um beijo a todos com todo meu carinho.

Sem vocês ele não seria nada.

Nenhum comentário: