Noites de cio
Em minhas noites acesas, à luz da lua,
em que a verdade apareceu nua e crua,
sem teu corpo, que me inspira a poesia,
dessas noites que sozinha, tão vazia,
em nossa cama, em vão te procurei.
Em prantos, meus desejos sufoquei,
na ânsia de sentir,em te ter,
meu corpo em chamas, a te querer...
Busquei em teus olhos, meus olhos
encontrei uma sombra, o vazio
e nesta noite, em pleno cio
rasguei de saudade o meu peito,
tentando em vão dar um jeito,
porque não quero ficar assim.
Não te quero distante de mim,
nem quero esse sonho partido;
quero nosso mundo colorido,
quero teu carinho, teu sabor,
na paixão desabrochar a flor,
quero teu amor, sem dividir,
me ver, nos teus olhos a sorrir.
E nessas noites, quero teu cheiro,
me perder no teu corpo e
me encontrar, depois do amor,
nos teus braços, no teu beijo.
- x -
Amigos, desculpem minha ausência, foram motivos alheios a minha vontade.

46 comentários:

São disse...

Mudou o cenário, que me agrada.
O poema extravasa sensualidade...
Bom regresso, querida.
Beijinhos.

João Cordeiro disse...

Beijocas

Yvonne disse...

Que bom que você retornou para nós com essa preciosidade.
Beijocas

Bandys disse...

Lindo, lindo!!

Senti sua falta, beijos


“Que seu dia seja lindo
como um jardim...
Que seja perfumado
como uma flor...
Que o sol aqueça

seu coração...
Que haja alegria
no seu olhar...
Que haja paz
no seu caminhar..."

paula barros disse...

As mudanças no blog estão lindas.

Muito bonito a forma de escrever. Embora triste.

Espero que seja só um poema triste.

abraços

DO disse...

Espero que esteja tudo bem por ai. Beijos e uma otima semana!!

FERNANDA & ASTROLOGIA disse...

QUERIDA LÚCIA, JÁ ESTAVA A SENTIR A TUA FALTA... QUANTO Á MUDANÇA DO VISUAL DO BLOGUE FICOU LINDO... GOSTO MAIS DESTE... O TEU MARAVILHPOSO POEMA TRANSBORDA SENSUALIDADE POR TODOS OS POROS... ADOREI AMIGA!...
UM GRANDE ABRAÇO DE CARINHO E TERNURA,
FERNANDINHA

Claudia Madureira disse...

Olá

Tudo bem consigo?

Passei só para desejar uma boa semana.

Beijinho

Daniel Costa disse...

Olhos de Mel

Os porquês, nunca se pergunta às pessoas que se considera, como é meu timbre. Apreciei muito este poema, não me surpreende em ti, gosto, com estou a gostar da canção.

Outra coisa: ficara encantado se te habituasses a passar pele meu novo blogre do mesmo nome, mas no primitivo, não postarei mais.
É semples carregas em Daniel Costa, aqui em cima. É lá que passei a esperar as pessoa amigas como tu, que tendo sido a oprimeira pessoa a comentar o meu blogue. Como tem o mesmo nick, considero, e isso me honra,
apadrinhaste.
Não esqueças: Daniel Costa, para o novo daniel milagre!
Beijinho
Daniel

Iana disse...

Oi amiga linda realmente saudadesss

Olha ando bem melhor, pelo menos minha querida não tive crise esses últimos dias e já bom sinal... tenho sentido poucas dores e o novo tratamento esta me fazendo muito bem...

Olha aqui continua sempre tudo perfeito... amada amiga amanhã fico mais velhinha... kkkk e espero você por lá para me ajudar apagar as velinhas (são muitas) heheh... irei publicar um texto e o bolo será virtual e a festa também... heheh....

Te espero viu?
beijos mil
Iana!!!

O Sibarita disse...

Moça! kkk Eitá poema retado de paixão...

Mas, é isso, o amor na sua plenitude nem sempre é como queremos... Belo poema!

bjs
O Sibarita

Daniel Costa disse...

Olhos de Mel

Com prazer, deixo link do novo blogue:

http://www.blogger.com/profile/18365468956488759820

Boa noite com Beijinho.
Daniel

Gazeta na net disse...

Olá amiguinha
Por vezes é necessário a ausência para aumentar o gosto da presença, lindo
Fica bem
Beijos perfumados

Vivian disse...

...sensualidade pura.

isso é lindo!

bjussss

VANUZA PANTALEÃO/OBRA LITERÁRIA disse...

Eu te entendo, Amiga!
Mas senti, de verdade, a tua falta. Enfim, volta a nossa Poeta que canta o Amor como poucos.
Uma delícia, o Mel dos teus Versos!!!Bjs

O Árabe disse...

Desculpamos a ausência, sim... desde que a volta seja perene. :) Belos versos, boa semana!

Pelos caminhos da vida. disse...

Olhem minha amiga deu seu ar da graça no meu espaço,esteve ausente(mas já esta perdoada),rs.

Um gde abraço amiga.

beijooo.

loup-julien disse...

LÚCIA Olá!
Obrigado por seu comentário.
Surement um belo poema que escreveu
Tenha uma boa semana.
Beijos.

Lumife disse...

Regressaste com um novo e ligeiro aspecto. Cheira até a Primavera... Belo poema de tamanha sensualidade que nos obriga a relê-lo...


Bjs

Menina do Rio disse...

Noites ternas
eternas
dançantes
delirantes
de beijos
e sabores
caricias
odores
em que as mãos
banhadas na lua
afagam a pele nua...

Um beijo pra ti Melzinha

mundo azul disse...

___________________________________

Versos ardentes, apaixonados...

Inspiração a flor da pele!


Beijos de luz e o meu carinho...

__________________________________-

lebaladin disse...

ton regard sur la vie inspire la poésie de chaque sentiment de ton être au fond de ton âme !!!bonne semaine à toi !!! bisous phil

Maria Valadas disse...

Olhos de Mel,
Minha querida, são os teus olhos ou a tua aalma que dão a sensibilidade pra pincelares tão belo poema?

Um sugestão: Dava uma linda letra para uma canção.

Beijinhos minha querida amiga e poetisa.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Amiga:
Postei no Galeria. É uma postagem que me dá orgulho. Gostaria que vc fosse apreciá-la e que deixasse a sua opinião. Mas é no Galeria, se vc quiser ir aos outros Blogs, vá depois.
Um abraço,
Renata
Vc demorou a ir, fiz outro post!

Oliver Pickwick disse...

Pode até ausentar do blog, mas continua presente em nossos corações.
Noites de Cio, hein? Humm... será por causa do acarajé com pimenta?
;)
Um beijo!

DE-PROPOSITO disse...

quero teu carinho,
---------------
Também eu queria muita coisa, mas, 'cruzes na boca', o que significa 'zero'.
Fica bem.
e a felicidade por aí.
Manuel

ZezinhoMota disse...

Escreves lindo
e eu fico
pairando nos Céus...

Sonhando
entre muitas cores
de ímensos arco-íris...

Que o teu caminhar
seja feito
com muita alegria...

Bjnhs

ZezinhoMota

Carla disse...

noites sentidas...que belo texto
beijos

João Videira Santos disse...

Noites de vazio, torturam, dilaceram..."matam"!

Em palavras sentidas um canto ao vazio no desejo da pertença...

Gostei1

João Videira Santos disse...

Noites de vazio, torturam, dilaceram..."matam"!

Em palavras sentidas um canto ao vazio no desejo da pertença...

Gostei1

flashes... disse...

Parabéns ao novo layot,muito bom gosto.
O vazio da noite é uma tortura permanete em que os barulhos fazem eco...
Bjs Zita

janaina de almeida disse...

Também sumi e estou aqui de volta.Até os contratempos da vida nos trazem inspiração.
Um forte abraçoe adorei o template, beijos.

Desnuda disse...

Lindo poema mas doído para quem já sentiu esta dor....


Grande beijo, querida!

Maria Clarinda disse...

Passei para te desejar um fim de semana lindo.
Jihs

© efeneto disse...

E mais um poeta por mim passou
E sussurrou-me ao ouvido
O que se passa aqui…

"São os cabelos negros,
selvagens,
que não se deixam desenhar,
são os olhos que se escondem
e sussurram tatuagens,
beijos quentes,
sonhados...
São as palavras não ditas,
são os mundos que tu sentes,
os papeis amarrotados…

É a brisa que te leva,
é o vento que me traz…Aqui
para te ler e apreciar,
a musica ouvir e no ouvido levar.

Vou sair conforme entrei
E sussurrar ao poeta, que aqui pode entrar...

Voltarei aos poucos a visitar os amigos que souberam esperar…

GiGi disse...

Um oásis de amor, até esqueço os problemas.

Beijos doce, Olhos de Mel!

loup-julien disse...

Olá Lúcia!
Espero que sua semana foi boa. Tenha um ótimo fim de semana.
Beijos.

Iana disse...

Amiga querida

A vida é como uma viagem de barco, subindo e descendo
conforme o balanço das ondas. Graças aos amigos,
não se perde o horizonte. E quando se naufraga,
a amizade é a âncora que te apoia
enquanto buscas um novo rumo.

Beijos com aroma de rosas!!
Iana!!!

Carla Silva e Cunha disse...

ola
gostava de pedir para votar na mala da minha irma (claudia cunha)
so tem que ir a www.avanessaguerradesafio.blogspot.com e deixar uma mensagem na mala que gostar mais
beijinhos

carla granja disse...

olá amiga! lindo poema sempre cheio de sensualidade e paixão. tá lindo o teu blog
andei ausente uns tempos por causa da venda do meu livro,mas voltei e cá espero por ti
bjo e bom final de semana
carla granja

looking4good disse...

Bom fim de semana com flores, sorrisos e ... poesia :)

Bill Stein Husenbar disse...

Sem palavras. Dor que todos já passaram.

http://desabafos-solitarios.blogspot.com/

São disse...

Bom domingo, doçura!

mjf disse...

Olá!
Lindo texto ;=)
Passei para te deixar um grande beijo e um xi-coração ;=))

Beijocas
Bom fim de semana

ecos de palavras disse...

Minha querida amiga mel,

Voltei ao teu blog, para avisar-te que estou a receber na minha caixa de entrada.... alguns comentários direcionados a ti...

Não sei o que fazer com eles...se os elimine ou encaminhar para ti.

De facto, é muito estranho o que se está a passar...

Diz-me algo, por favor... porque deve haver algum erro...e não sei solucionar.

Bom domingo e beijinhos da

Maria Valadas

Uma aprendiz disse...

Olá!

Estive ausente também, que bom que voltamos.

Adorei sua visita no meu blogue, volte mais vezes.

Hummmmmm. Que poema, hein amiga?
Espero que ele tenha voltado, mas, só se for para ser só seu. kkkkkkk

"...quero teu amor, sem dividir,
me ver, nos teus olhos a sorrir."



beijos