Com todo gosto

Sou o vento que anda

e segue teus passos onde tu vais.

Sou como a calma da brisa,

que beija de leve o teu rosto

e recolhe em teu corpo, os teus sais.

Sou o luar que te acompanha,

te encanta e assanha, com todo gosto!...

Tu és o cintilar das estrelas,

que roça em meu corpo,

que lambe docemente, os meus lábios

e ilumina meu rosto.

Tu, és o sol que me aquece

me enfeitiça, atiça e enlouquece,

Com todo gosto!

18 comentários:

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Mel, belo poema...Espectacular....
Votos de uma feliz Páscoa....
Beijos

Desnuda disse...

Querida amiga, mais um belo poema, como voce!

Obrigada pelo carinho. Um lindo sábado e uma Páscoa feliz!

Trouxe um bombom recheado de carinho. Beijos

..___ ........ ,-."'""-. ....... ___
. \....."-. .. /............\ . ,-"...../
... >..-=.\/....BOM....\/.=-..<
... >..-='/\....BOM...../\'=-. <
. /__..-´.. \............./.. `-.__\
...................'-........-'

VANUZA PANTALEÃO disse...

Lúcia, você é a nossa fonte de inspiração. Romantismo, teu nome é Lúcia!
Tema de Emanuelle, coisa mais linda...
Doce, doce Páscoa!!!Bjsss

João Moreira disse...

Olá querida,
Ao ler este teu post vem-me a cabeça a ideia que aquilo que mostramos é o que pensamos de nós, é o sentimento que temos por nós, e isso vai reflectir no outro…
Feliz Páscoa
Fica bem
Beijos doces

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Com todo gosto, querida Lúcia, desejo-lhe Feliz Páscoa, porque Páscoa não é só chocolate. Aliás, Páscoa é Amor! Como se percebe pelo seu Lindo poema!

Enfim, depois de tanto erro passado
Tantas retaliações, tanto perigo
Eis que ressurge noutro o velho amigo
Nunca perdido, sempre reencontrado.

É bom sentá-lo novamente ao lado
Com olhos que contêm o olhar antigo
Sempre comigo um pouco atribulado
E como sempre singular amigo.

Um bicho igual a mim, simples e humano
Sabendo se mover e comover
E a disfarçar com o meu próprio engano.

O amigo: um ser que a vida não explica
Que só se vai ao ver outro nascer
E o espelho de minha alma multiplica....
Soneto do Amigo

Vinicius de Moraes*


Beijos e o simplesmente o melhor *******************
Renata

Whispers disse...

Querida,
Que poema mais lindo,um iluminar que enfeitica a alma
Linda, desejo que tenhas tido uma santa Pascoa

Nil beijos
Rachel

O Árabe disse...

Belo e intenso. Mais uma vez! :) Boa semana.

Daniel Costa disse...

Lúcia

O gosto foi meu, como sempre, ter este save, sensual e belo poema.
Apesar de gostar sempre, o presente soube muito bem.
Beijos
Daniel

Maria Valadas disse...

Querida,

Tu és o vento que passa e levas bonitos versos, feitos poema.

Gostei muito do poema, melzita.

Uma boa semana.

Beijinhos.

Maria

manuela disse...

Palvras sensuais de quem vive a vida plenamente...bjs. (manuela: sentimento.canalblog.com)

A.S. disse...

A sensualidade do poema e uns lábios de mel, são uma doce tentação...


BeijOOO
AL

O Árabe disse...

Boa semana. Aguardo o novo post! :)

Maria Valadas disse...

Olá Mel,

Tb aguardo o novo post com outro poema que me faz deliciar.

No entanto, cito o que desta vez me sensibilizou:
"
Tu, és o sol que me aquece
me enfeitiça, atiça e enlouquece,
Com todo gosto!"

Fico à espera de mais!

Beijo no teu coração de mel.

Maria

São disse...

Minha querida, este é um de seus mais bonitos poemas.

Bom fim de semana.

Whispers disse...

Querida,
Tao lindo, tuas palavras sao sempre apaixonadas,mesmo quando as vezes sao sentidas.

Desejo que tenhas um bom domingo

Mil beijos

Rachel

looking4good disse...

Vento, luar, brisa, estrelas, sol... toda a Natureza impregnada na pessoa amada! Um bom fim de semana, com flores, sorrisos e ...poesia!

Janaina disse...

Amor,natureza,sensualiddae,tudo isso me encanta,beijos.

Rosa disse...

Belo Poema! Parabéns belo blog e seus belos escritos.
bjs!!!